×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
27 de abr. de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

LVMH lança plataforma para revenda de stocks mortos

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
27 de abr. de 2021

A LVMH está a lançar a Nona Source, uma plataforma de revenda online que faz parte de um projecto original de economia circular no setor da moda topo de gama. A plataforma oferece tecidos e peles dos stocks mortos das maisons da LVMH a preços competitivos, ou seja, em média a 70% do preço por grosso, para apoiar os jovens designers. O projecto foi desenvolvido internamente pelos especialistas em stock de material do grupo de luxo.


Lançamento da Nona Source, a plataforma online de revenda da LVMH - nona-source.com


O objetivo é "oferecer a todos os profissionais de moda e design a possibilidade de comprarem facilmente materiais aos quais muitas vezes não têm acesso, a preços competitivos e em stock", informou a plataforma num comunicado de imprensa, especificando que, de momento, apenas entrega na Europa para favorecer os curto-circuitos, estando os stocks armazenados em França.
 
Fotos de alta qualidade, zoom potente, vídeos para transmitir a experiência do toque e da sensação, colorismo de alta fidelidade... A tecnologia foi posta a um alto contributo para apresentar os materiais vendidos "pelo rolo, pela pele ou pelo painel, em função da quantidade disponível, sem corte ou amostragem", numa plataforma muito legível e de fácil acesso, que promete entregas entre três a cinco dias em França e até sete dias noutros países da Europa. De momento só são possíveis vendas online, mas em breve os produtos deverão estar disponíveis num showroom.

A oferta inclui diferentes tipos de materiais: teia e trama, jersey, rendas, forros e também peles prontas a vestir, tendo vontade de alargar a gama a outros produtos, tais como botões. É o resultado de uma seleção cuidadosa por parte dos especialistas em Moda do gigante de luxo com base nos stocks mortos das maisons do grupo. Logicamente, os desenhos inéditos desenvolvidos pelas várias marcas e materiais com logótipos são excluídos da oferta. 


Com a estreia da nona-source.com, a plataforma oferece 100.000 metros de 500 tecidos diferentes e 1.000 metros de couro - Instagram @nova_source


Por exemplo, 693 m³ de pele de cordeiro são vendidos a 34 euros/m³, um painel de 70 cm x 70 cm de pele de cobra de água é oferecido a 100 euros por m³ ou 2 metros de popa com um padrão Vichy são vendidos a 14 euros. Com a estreia da nona-source.com, a plataforma oferece 100.000 metros de 500 tecidos diferentes e 1.000 metros de couro.
 
Esta loja eletrónica invulgar foi iniciada por Romain Brabo, especialista em Compra de Materiais e Fabrico de pronto-a-vestir da Givenchy, e depois da Kenzo. Descobrindo estes tesouros escondidos nos armazéns da Givenchy, Brabo começou a pensar em como trazê-los de volta à vida. Aprofundou esta sua ideia quando se mudou para a Kenzo com Marie Falguera, a especialista em Qualidade Material e Ambiental da marca. Os dois trabalharam num projecto que apresentaram em 2019 como parte do DARE, um programa de incubação intraempresarial criado pela LVMH para promover soluções inovadoras.
 
O conceito seduziu e a dupla juntou-se em março de 2020 a Anne Prieur du Perray, gestora de Projecto em Transformação Digital da LVMH, para trabalhar a tempo inteiro na plataforma, que ganhou um nome das Parcas (Destinos) da mitologia romana, também deusas da mitologia grega e nórdica. Nona é o nome de uma das três irmãs fiadoras que personificam o nascimento, a vida e a morte, símbolo do destino humano e da mudança necessária: Nona gira o fio da vida, Decima tece-o e Morta corta-o.
 

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.