×
303
Fashion Jobs
DIRETOR(A) INDUSTRIAL
Diretor(a) Industrial
Efetivo · MONACO-VILLE
GIANNI KAVANAGH
PR / Influencers Management
Efetivo · BRAGA
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
DAMA DE COPAS
Consultora de Lingerie
Efetivo · PORTO
THE KOOPLES
Sales Assistant 16h - Eci Lisbon
Efetivo · LISBOA
EMPRESA DE MODA NO SETOR DO LUXO
Vendedor/a de Loja de Gama Alta
Temporario · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Foz Plaza - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Figueira da Foz
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Coimbra cc Forum Coimbra - CDI - Part-Time - 20h - m/h
Efetivo ·
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Lisboa cc Chiado - CDI - Part-Time - 20h - m/h
Efetivo · LISBOA
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
29 de mar. de 2022
Tempo de leitura
6 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Mackage: a sua transformação numa marca de lifestyle como é vista pela CEO Tanya Golesic

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
29 de mar. de 2022

Se algum setor da moda tem gozado de um imenso boom na última década é o do outerwear, desde o enorme sucesso da Moncler até milhões de puffers omnipresentes que vendem em bancas de mercado. No entanto, poucas marcas atingiram o ponto ideal para casar o desempenho com o polimento como a Mackage, uma marca canadiana de classe, que acaba de assinar o contrato de arrendamento da sua primeira flagship em Paris.


A CEO da Mackage,Tanya Golesic - DR


Fundada por Eran Elfassy em 1999, a Mackage tem estado ocupada em várias frentes nos últimos tempos. Este mês lançou a sua mais recente campanha, uma visão patriótica protagonizada pela modelo e protetora da terra, a eco ativista Quannah Chasinghorse, como nativa americana nascida no território da Nação Navajo no Arizona.
 
Captado pelo hiper talentoso Tyler Mitchell, o fotógrafo americano sedeado em Brooklyn, que fez projetos para a Loewe e J W Anderson; e é conhecido pelo seu retrato otimista e nobre de pessoas de cor.

A campanha com Quannah Chasinghorse para a estação de primavera-verão 2022 sublinha que a Mackage não está de modo algum a seguir a maioria, mas sim a estabelecer a agenda em roupa exterior e imagens. E também na ecologia, uma vez que a Mackage está prestes a obter a Certificação B Corp, confirmando que verificou padrões em termos de benefícios para os empregados, práticas da cadeia de fornecimento e materiais de entrada.
 
Há cerca de três anos, também teve uma atualização por cortesia do mestre do design Fabien Baron, que desenvolveu um logo específico para a marca. E, na verdade, o seu nome deriva de uma pronúncia errada da palavra francesa para maquilhagem, maquillage, da sobrinha da Elfassy.
 
No verão passado, a Mackage contratou Tanya Golesic como CEO. Esta juntou-se à marca com um currículo impressionante, que inclui passagens pela Ralph Lauren, Marc Jacobs e Jimmy Choo. Assim, apanhámos Golesic num pequeno-almoço em Zoom a partir de Nova Iorque para perceber os seus objetivos para a Mackage.


A modelo Quannah Chasinghorse para a campanha da Mackage de outono-inverno 2021 - Foto: Mackage - DR


Fashion Network: O que a atraiu a trabalhar com Quannah Chasinghorse na sua campanha para a primavera-verão 2022?
Tanya Golesic: Bem, começámos a trabalhar com Quannah no outono de 2021 quando se estava a lançar na sua carreira. É uma mulher forte e independente que representa a proteção da terra e é também uma mulher para quem a moda é atraída. Desde então, tem sido capaz de a elevar no mundo da moda, caminhando pela Gucci e Chanel e participando na Gala Met. Para a primavera de 2022, utilizámos Quannah para lançar a nossa coleção de Sustentabilidade, dando-lhe uma força tranquila que esta traz de uma forma autêntica – como duas forças que se juntam. E temos vindo a apoiar a sua causa ambiental de opção.
 
Quando aqui comecei, em julho de 2021, sentei-me com a nossa fundadora Eran Elfassy para explorar alguns dos tecidos e aprender o quanto de sustentabilidade já existia nas nossas coleções. A única coisa é que não tínhamos estado a contar essa história. Nunca falámos sobre ela. Na verdade, muitas marcas de moda estão a esforçar-se por alcançar o que já tínhamos alcançado. Para sermos concretos, esperamos ser certificados pela B Corp muito em breve. São muito poucas as empresas de moda. São precisos anos e anos de trabalho e de preparação. Literalmente centenas de caixas a assinalar e é um processo longo e árduo. Mas estamos a aproximar-nos, esperemos que este ano.
 
FNW: E por que quis trabalhar com Tyler Mitchell?
TG: Pensámos que Tyler seria um grande parceiro na captação de Quannah, pois estávamos mais interessados no seu retrato, e não tanto na sua moda. Ele tem uma força tranquila e uma bela estabilidade que se sentiu bem para estes tempos. A coleção que Quannah apresenta é na realidade 100% reciclada e certificada de forma responsável. Esta é a primeira de uma série das nossas campanhas de proteção e irá provavelmente continuar no próximo ano.
 
FNW: Como definir o ADN da Mackage?
TG: Eu diria que é realmente a estética que protege. O nosso produto é bonito, mas também protetor e estes dois atributos são super importantes. Alto desempenho que não compromete o estilo, e a destreza.
 
FNW: Quem são os vossos concorrentes?
TG: Gostaria de dizer que olhamos para a Moncler como nossa concorrente. Mas sim e não, como estão na sua própria estratosfera. Mas a Moncler é esteticamente agradável e também tem um sentido de proteção, como a Mackage. Os outros concorrentes em que penso têm mais a ver apenas com desempenho.


A coleção da Mackage que Quannah apresenta é 100% reciclada e certificada de forma responsável - Foto: Mackage - DR


FNW: O que aprendeu na Ralph Lauren, Jimmy Choo, Canada Goose e Marc Jacobs, que espera aplicar na Mackage desde que se mudou para cá no verão passado?
TG: O que entendi da Jimmy Choo, Marc Jacobs e no início da minha carreira na Ralph Lauren foi reconhecer o discípulo necessário para construir uma marca. Cada uma tinha um ADN de marca específico ao qual se mantinha fiel. Assim, vi uma oportunidade na Mackage, onde o que realmente faltava era contar histórias, que precisavam de ser reforçadas, especialmente em digital. Isso era vital. A Jimmy Choo aposta em calçado e bolsas; e a Ralph Lauren, num estilo de vida completo, tal como a Marc Jacobs.  Agora, uma vez que a Mackage também brinca com roupa de ski e até mesmo com calçado, acreditamos que será capaz de criar uma marca de estilo de vida.
 
FNW: Qual é o seu próximo passo no retalho?
TG: Temos a abertura de uma flagship no número 418 da Rue Saint-Honoré em setembro. Temos uma distribuição por grosso realmente robusta na Europa; uma loja em Londres; e aparecemos em lojas especializadas e locais como a Selfridges. Mas Paris é o epicentro da moda! E como tenho a certeza que sabem, encontrar um local na Rue Saint-Honoré não é um feito fácil, mas assinámos o contrato há um mês. O nosso plano é apresentar parcerias, exclusividades e eventos de lançamento que comecem na Paris Fashion Week.

 


FNW: Quantas lojas têm?
TG: Possuiremos e operaremos 20 até ao final de 2022, incluindo a de Paris. Temos cerca de 700 pontos de venda e estamos bem distribuídos na China e no Japão. Acabámos de trazer o nosso negócio da Coreia para casa. E esperamos abrir a seguir em Milão e Beverly Hills.
 
FNW: Vendas anuais?
TG: Como somos uma empresa privada, não divulgamos o volume de negócios anual. Gostava muito de poder dizer-vos, mas não posso.
 
FNW: Bem, e qual é a pegada financeira de retalho?
TG: Mais uma vez, quem me dera poder dizer. O que vos posso dizer é que somos vendidos em mais de 40 países. E que a nossa plataforma de comércio eletrónico tem crescido substancialmente durante a pandemia de COVID-19. Hoje em dia, contabilizamos algures a percentagem de vendas entre os 20 e os 30 anos de alta e baixa.
 
FNW: A quem pertence a Mackage, e qual é a estratégia de saída?
TG: O nosso fundador Eran Elfassy e o capital privado têm uma divisão bastante equilibrada. E, sim, estamos a considerar diferentes oportunidades como uma OPI. Ou se a LVMH ou a Kering também nos poderiam adquirir. Estamos a considerar diferentes oportunidades, mas nada no futuro imediato.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.