×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
23 de jan. de 2023
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Maison Margiela: mansão da nova sede com coleção posh-punk

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
23 de jan. de 2023

A Maison Margiela revelou a sua nova sede em Paris na noite de domingo (22 de janeiro), em conversa sobre uma atualização. John Galliano comemorou a mudança com a sua última coleção – uma homenagem elegantemente desconstruída à Rainha do Punk, Jordan, ícone da moda que faleceu há cerca de um ano.
 
Antes, a maison histórica Margiela era uma velha escola semi-escondida no 11.º Arrondissement de Paris. Agora a sua sede mostra um grande esplendor haussmanniano na Place des États Unis, no dourado 16.º Arrondissement. O edifício, a antiga sede da Pernod Ricard, está localizado em frente à praça Baccarat, a fabricante de vidro mais elegante de França. Uma enorme estátua equestre de bronze de George Washington fica logo abaixo da avenida.


Maison Margiela - outono-inverno 2023/2024 - Menswear - França - Paris - © ImaxTree


A mudança triplica o tamanho da sede da Margiela para 7.000 metros quadrados, espaço suficiente para 220 funcionários. Isso ajudará a impulsionar o crescimento futuro e faz parte dos investimentos anuais de capital de cerca de 20 milhões de euros.
 
Mantendo o costume do fundador, o “designer invisível” Martin Margiela, Galliano não saiu para fazer a sua reverência. Merecia um grande aplauso para esta coleção de prêt-à-porter feminino encenada, curiosamente, como o evento final da temporada masculina de Paris.

Sem notas de programa e sem como questionar o estilista, mas as referências eram claras a Jordan Mooney, a proclamada Rainha do Punk britânico, falecida em abril de 2022.
 
Desde o cabelo espetado ou os desenhos faciais gráficos pretos, até às meias de rede cortadas pela barriga da perna; knickers usadas como minis e chapéus malucos com boina, a influência Jordan era evidente.
 
Embora Galliano tenha levado tudo para algum lugar novo, com excelentes gabardinas viradas do avesso; gigantescos casacos A-line em xadrez explosivo; vestidos cocktail de corpete e tule muito dramáticos.
 
Também mostrou alguns bons macs e casacos de inverno, como cortesia de uma parceria com a Pendleton, e até costurou a etiqueta da marca americana em destaque na parte externa de vários looks.
 
Antes do desfile, Renzo Rosso, o bilionário italiano da moda cujo império engloba a Diesel e marcas estelares de moda independente como a Margiela, Marni, Jil Sander e Viktor & Rolf, estava de bom humor.
 
“Vou ser sincero, queríamos muito ficar no 11.º na antiga escola por motivos emotivos. Mas não nos venderam o prédio e há pouquíssimas grandes estruturas naquela parte da cidade. Então, mudamo-nos para cá e está tudo bem”, disse Renzo, entusiasmado, erguendo uma taça de champanhe Laurent Perrier.


Maison Margiela - outono-inverno 2023/2024 - Menswear - França - Paris - © ImaxTree


Para comemorar a mudança, o atelier da cave foi transformado numa instalação de arte com assentos de cinema; projeções de shows em vídeo; manequins vestindo a coleção atual e um conversível americano conversível – com mais manequins – pendurado dramaticamente numa parede.
 
Sob o comando do CEO Gianfranco Gianangeli, os negócios estão a crescer na Margiela, à medida que a marca constrói a sua rede de retalho; atualiza as lojas existentes e aumenta o seu preço.
 
“Triplicamos as vendas nos últimos três anos”, insistiu Gianangeli, aparecendo muito elegante num fato trespassado, com a lapela finalizada com uma mini versão do logotipo de quatro pontos da assinatura Margiela.
 
Às vezes esquecemos que, para além de ter uma imaginação imensamente fértil, John Galliano também pode ser um designer muito comercial. Ao destilar cuidadosamente as fantasias de John, o estilo teatralmente vanguardista e a versão desconstruída do DNA conceitual da Margiela, os gerentes italianos elevaram as vendas anuais para quase 400 milhões de euros.
 
É uma conquista bastante impressionante. Comemorado com justiça na abertura da nova sede esta noite, com um cocktail pós-show no jardim da cobertura do edifício com uma vista maravilhosa para a Torre Eiffel.
 
Só sentimos uma pena: John não pôde sair e tomar um ou dois copos.
 

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.