×
362
Fashion Jobs
MINGA LONDON
Ecommerce Manager
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
MINGA LONDON
Head of Creative Content / Art Director
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
SALSA
IT Retail Systems Specialist – Oportunidade de Suporte e Participação em Projetos de IT
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
GIANNI KAVANAGH
Marketing Director
Efetivo - CLT · BRAGA
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
TAPESTRY
Sales Associate ii - ce pt Vila do Conde (20-39 Hours)
Efetivo - CLT · Vila do Conde
SALSA
Estágio Curricular - People & Talent
Estágio · Vila Nova de Famalicão
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Estação Viana - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Viana do Castelo
THE KOOPLES
Store Manager
Efetivo - CLT · LISBOA
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m) 1
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Vila do Conde (f/m)
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Assistant Store Manager Hugo Boss Factory Outlet Vila do Conte (f/m)
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Assistant Store Manager Hugo Boss Factory Outlet Vila do Conte (f/m)
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Ales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
HUGO BOSS
Sales Associate Boss Store Quinta do Lango (f/m)
Efetivo - CLT · Almancil
HUGO BOSS
Sales Associate Boss Store Quinta do Lago (f/m)
Efetivo - CLT · Almancil
Por
AFP-Relaxnews
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
9 de jan de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Marcas de moda fazem doações para combater incêndios florestais na Austrália

Por
AFP-Relaxnews
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
9 de jan de 2020

As marcas de moda estão a mobilizar-se para ajudar a Austrália diante da onda de incêndios que tem devastado o país nos últimos três meses.


A Aqueo Import and Distribution, importador e distribuidor oficial da marca de chinelos Havaianas na Austrália, prometeu doar o dinheiro arrecadado com todas as suas vendas online realizadas entre os dias 8 e 10 de janeiro - Havaianas


A PVH Corp, controladora de marcas como Calvin Klein e Tommy Hilfiger, prometeu fazer uma doação de 100 mil dólares ao fundo de resposta e recuperação de desastres da Cruz Vermelha Australiana, com o objetivo de apoiar especificamente os esforços de resgate e socorro, recuperação e reconstrução a longo prazo. Os clientes das lojas Calvin Klein, Hilfiger e Van Heusen na Austrália também podem contribuir para o fundo sem precisarem de fazer compras.

"Estamos devastados pelos trágicos incêndios florestais que afetam pessoas, comunidades e a vida selvagem do nosso belo país", disse Michael Gazal, presidente da PVH Austrália, em comunicado. "Os nossos pensamentos estão com todos os afetados por este desastre. Agradecemos aos corajosos bombeiros, voluntários e equipas de emergência que estão a dedicar o seu tempo e recursos aos esforços de recuperação", acrescentou.

A empresa desportiva e de lifestyle, Boardriders Inc., que é responsável pelo design, produção e distribuição de produtos de marcas icónicas como Billabong, Roxy e Quiksilver, anunciou um plano para colaborar com a ajuda de emergência que inclui a doação de 100% dos lucros da vendas online de várias marcas na Austrália, incluindo as mencionadas, feitas durante o fim de semana de 11 e 12 de janeiro. Além disso, os funcionários da Boardriders no país irão receber dois dias de folga pagos por mês para trabalharem como voluntários nas comunidades afetadas enquanto durar a crise.

A marca australiana de moda de luxo Zimmermann também doou 20% do lucro das vendas internacionais feitas no dia 5 de janeiro em lojas físicas e online à Cruz Vermelha para apoiar os esforços de emergência da organização. "Os nossos pensamentos estão com todos os afetados pelos incêndios florestais que devastaram grande parte da Austrália", escreveu a marca no Instagram.

A marca de culto ao ioga Lululemon doou 50 mil dólares ao fundo de resposta e recuperação de desastres da Cruz Vermelha, enquanto Aqueo Import and Distribution, importador e distribuidor oficial da marca brasileira Havaianas na Austrália, prometeu doar o dinheiro arrecadado com todas as vendas online realizadas entre 8 e 10 de janeiro.

As doações serão destinadas à Cruz Vermelha Australiana, Exército de Salvação da Austrália e WWF Austrália, dependendo do dia. No dia 9 de janeiro, a marca de moda praia Seafolly Australia também doará 100% dos seus lucros obtidos em lojas físicas e online à Cruz Vermelha Australiana.

Copyright © 2021 AFP-Relaxnews. All rights reserved.