Milano Unica fecha com participação em alta

A 22.ª edição da Milano Unica se encerrou a 11 de fevereiro em Milão com um balanço mais do que satisfatório, o qual seu presidente Ercole Botto Poala não deixou de qualificar como "extraordinário". O salão de referência do têxtil transalpino registrou uma alta de 13% no número de visitas por parte das empresas de moda.

A 22.ª edição do Milano Unica decorreu pela última vez nos antigos pavilhões da feira milanesa. - Erdna for Milano Unica

O evento viu nomeadamente o número de empresas italianas crescer 13,8% e aquele das estrangeiras, 11%, apontam os organizadores do salão no seu relatório final. Vale realçar as fortes altas constatadas entre os compradores vindos da Federação Russa (+39%), de Portugal (+33%), da Holanda (+30%), do Reino Unido (+27%), de Espanha (+17%), de França (+15%), da Alemanha (+14%) e dos Estados Unidos (+4%).
 
As presenças do Japão, Coreia e da Turquia permaneceram estáveis. Por outro lado, o número dos compradores chineses recuou 28% em razão do Ano Novo chinês.
 
Esta 22.ª edição da feira Milano Unica, dedicada às coleções de tecidos e de acessórios para a temporada primavera-verão 2017, estava também cheia de expositores, contabilizando 371 empresas têxteis, das quais 72 estrangeiras contra 361 (64 estrangeiras) um ano mais cedo.
 
A isso se junta as 40 empresas japonesas e as 13 tecelagens coreanas dos Observatórios do Japão e da Coreia do Sul. Compondo um total geral de 424 expositores contra 399 em fevereiro de 2015 (+6%).

A 22.ª edição da Milano Unica termina com um balanço muito positivo. - Milano Unica by Erdna

Os próximos encontros da Milano Unica estão programados para decorrer de 16 a 18 de março próximo em Xangai, com sua 9.ª edição chinesa, e de novo em Milão, nos dias 6 e 7 de julho com o encontro da Prima UM, virada às pré-coleções.
 
A próxima edição da Milano Unica, que apresenta as coleções de tecidos do outono-inverno 2017-18, decorrerá no parque de exposições de Rho-Pero, nos limites da cidade, no novo espaço escolhido pelo salão, sob o impulso do governo italiano que deseja proporcionar uma grande coesão em termos de local e de datas aos principais salões inerentes ao setor da moda.
 
Esta edição de setembro de 2016 marcará um ponto de viragem para Milano Única, que não somente mudará de endereço, mas também de organização. "Ao lado dos Observatórios do Japão e da Coreia, nóes teremos também ao nosso lado 'Origin Passion and Beliefs', o salão virado aos fornecedores de produtos semiacabados do Made in Italy, promovido pela feira de Vicenza", anuncia o presidente da Milano Única, Ercole Botto Poala.

O parque de exposições nos limites de Milão, que acolherá a Milano Única em setembro.

E vale ainda realçar que a edição se sobreporá durante dois dias, no mesmo local, à Lineapelle, a feira especializada nos couros e peles, e será seguida pelo salão do calçado TheMicam e pelo salão internacional dos artigos de couro e da marroquinaria Mipel.

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

TêxtilSalões de Moda
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER