×
Publicado em
18 de fev. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

ModaLisboa abre-se ao talento internacional

Publicado em
18 de fev. de 2020

De portas abertas para a criação internacional e com um forte foco na sustentabilidade, a 54.ª edição da Lisboa Fashion Week revela de 5 a 8 de março as propostas outono-inverno 2020/21 de 39 designers, não só portugueses, como oriundos de outras geografias.


 
Na quinta-feira, 5 de março, o dia de abertura da fashion week lisboeta será precisamente dedicado ao projeto de intercâmbio United Fashion, no âmbito do qual 15 criadores europeus irão apresentar, a partir das 21h, as suas coleções nos Paços do Concelho. Além do desfile, de 4 a 6 de março o contingente de designers participa em Lisboa numa série de iniciativas destinadas a promover a moda independente europeia.
 
Apresentando-se cada vez mais como “a casa do talento internacional”, além dos happenings United Fashion Lisboa, nesta edição a ModaLisboa integra no seu calendário a marca holandesa Ninamounah, que desfila às 20h de domingo.

No segundo dia da semana da moda, já nas Oficinas Gerais de Fardamento e Equipamento do Exército, a nova morada da ModaLisboa, a ação arranca com o desfile dos jovens talentos do Sangue Novo. A partir das 18h, sobem à passarela os cinco finalistas do concurso: Naomi Marcela - Cêlá, Filipe Cerejo, Flávia Brito, Francisco Pereira e Inês Manuel Baptista.
 

A 54.ª edição da ModaLisboa revela de 5 a 8 de março as propostas outono-inverno 2020/21 de 39 designers


Nesta apresentação das coleções para a próxima estação fria não faltam, é claro, nomes incontornáveis da moda nacional, como Dino Alves, Nuno Gama, Luís Carvalho, Valentim Quaresma ou Carlos Gil. Graças à parceria entre a Associação ModaLisboa e a ANJE, responsável pelo Portugal Fashion, Luís Buchinho irá também apresentar as suas propostas nesta edição. O calendário inclui ainda Ricado Preto, Gonçalo Peixoto, Kolovrat, Ricardo Andrez, Aleksandar Protic e Awaytomars.
 
Por seu lado, a plataforma LAB, destinada a apoiar jovens designers e marcas de moda emergentes, conta nesta edição com seis desfiles. Além dos criadores Constança Entrudo, João Magalhães e Carolina Machado, sobem ainda à passarela as marcas Duarte, Hibu e Buzina.
 
Definindo-se como “a casa do design nacional, a plataforma da frescura de pensamento, a incubadora do futuro”, nesta edição a ModaLisboa irá dedicar “toda a programação aberta ao público à sustentabilidade”. Uma decisão que implica, por exemplo, que a pop-up store Wonder Room seja inteiramente dedicada a esta temática, destinando-se apenas a marcas marcas nacionais de moda, design lifestyle com assinatura verde.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.