×
370
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Momad: número de visitantes mantém-se estável durante fase de transição

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
today 20 de fev de 2019
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A primeira edição da feira de moda madrilena sob a sua designação simplificada e formato repensado registou a visita de 15.250 profissionais, 25% dos quais estrangeiros. Com 800 marcas participantes, os números mantêm-se em linha com a edição de setembro de 2018. Realizada em conjunto com o evento anteriormente dedicado ao calçado, a Momad Shoes, a Ifema recebeu no outono passado 15.120 visitantes.

Interior dos pavilhões da Ifema na edição de fevereiro da Momad - FNW


Após a nomeação de Charo Izquierdo, diretora da MBFW Madrid, como responsável pelas feiras de moda da Ifema em abril do ano passado, a Momad decidiu fazer evoluir o salão, tendo como objetivo a necessária ligação entre a indústria e o design. Planos a longo prazo cujos resultados só poderão ser avaliados após várias edições, mas que conseguiram manter, timidamente, o crescimento do número de visitantes, que ultrapassou pela primeira vez a barreira dos 15 mil em fevereiro de 2018. Além disso, a organização do salão tem sublinhado "as sinergias geradas" graças à coincidência de datas com as feiras Bisutex, Madrid Joya e Intergift.

Na estratégia de Izquierdo, a revisão dos conceitos tem sido fundamental. Da diversificação - que passa pela incorporação progressiva da moda masculina, do swimwear e da presença de designers de passarela - a uma forte aposta na sustentabilidade, com mais de 30 marcas participantes e um programa de conferências rico. Sem esquecer a vontade de abrir a feira ao consumidor final e aos players do setor de geração millennial, que continuam à procura do seu espaço no domínio das feiras profissionais. A instalação de um estúdio de televisão com entrevistas a protagonistas do evento, bem como uma ação com quatro influenciadores, foram os primeiros passos nessa direção, na qual ainda é preciso fazer mais para conquistar a geração emergente.

A organização também destacou o progresso "no seu objetivo de contribuir para a expansão da presença da moda espanhola nos mercados estrangeiros", através da organização de um programa de compradores internacionais que contou com representantes de 36 empresas do Chile, Colômbia, Equador, México, Panamá, Peru, República Dominicana, China, Hong Kong, Eslováquia, Grécia, Irlanda, República Checa, Rússia, Israel, Jordânia, Líbano, Qatar e Turquia.
 
Enquanto se espera pela edição do próximo outono, a indústria do calçado contará com a sua própria nova plataforma a solo. A ShoesRoom by Momad reunirá 80 marcas na sua primeira edição, que terá lugar no espaço madrileno La N@ve de 1 a 3 de março.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.