×
370
Fashion Jobs
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
27 de ago. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

New York Fashion Week forçada a limitar severamente o seu público

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
27 de ago. de 2020

A New York Fashion Week (NYFW) terá lugar de 13 a 17 de setembro, mas sob alta vigilância sanitária. Enquanto os EUA continuam afectados pela pandemia de COVID-19 (o país lidera, a nível mundial, o total de casos com 5.837.788 à data de hoje), o governador do Estado de Nova Iorque, Andrew Cuomo, anunciou uma série de diretrizes muito rigorosas para a realização da próxima Semana da Moda, dedicada às coleções de pronto-a-vestir femininas para a primavera-verão de 2021.


A NYFW terá, este setembro, um acesso muito limitado - PixelFormula


As apresentações de coleções serão sujeitas a numerosas medidas de segurança para evitar a propagação do corovírus. Apenas 50 espectadores serão admitidos a espectáculos ao ar livre, enquanto que os espectáculos no interior serão realizados praticamente à porta fechada, uma vez que os espaços serão limitados a 50% da sua capacidade (incluindo modelos, equipas de produção, etc.) e serão fechados aos espectadores.

A New York Fashion Week será baseada na plataforma digital Runway360, lançada em julho passado pelo CFDA (Council of Fashion Designers of America), e incluirá uma mistura de desfiles físicos e virtuais, apresentações e conteúdos exclusivos propostos pelos estilistas, bem como programação cultural. Cerca de 40 marcas estão no programa, enquanto alguns grandes nomes, como Michael Kors e Proenza Schouler, optaram por apresentar as suas coleções em outubro.

"A pandemia está longe de ter terminado, mas temos orgulho em ajudar o organizador do evento, IMG, a avançar com a NYFW, em conformidade com as rigorosas diretrizes de saúde pública do Estado. Como sempre, a segurança é a nossa principal prioridade e felicitamos os participantes e todos os designers pelas suas soluções inovadoras para dar vida a este evento", comentou Andrew Cuomo, numa declaração.


A próxima NYFW conta com cerca de 40 marcas no programa - © PixelFormula


A New York Fashion Week terá de cumprir as normas do Departamento de Estado da Saúde em vigor, para fazer face à emergência sanitária, relacionada com a propagação do COVID-19. Estes incluem o uso obrigatório de máscaras, a aplicação de distâncias sociais a todo o momento, o controlo de temperatura, a limitação do número de pessoal necessário ao mínimo estritamente necessário, os testes de rastreio, etc.
 
"Os últimos seis meses têm sido extremamente desafiantes para a indústria da moda, e temos orgulho em oferecer a oportunidade aos estilistas, modelos, cabeleireiros, maquilhadores, fotógrafos, equipas de produção e outros inúmeros profissionais que trabalham para (ou em ligação com) a indústria da moda, durante a New York Fashion Week, para regressarem ao trabalho em segurança em setembro", conclui Leslie Russo, vice-presidente executiva do grupo de eventos de moda IMG.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.