Percassi alia-se ao fundo Peninsula Capital para o desenvolvimento internacional da Kiko

Sangue novo para a expansão da Kiko. A família Percassi, proprietária da marca, assinou um acordo com o fundo com participação espanhola Peninsula Capital que permite, com a aprovação prévia das autoridades para a concorrência espanholas, a entrada da empresa no capital da Kiko com uma participação de 33%. A operação tem um valor total de 80 milhões de euros.

Kiko vende 33% da empresa ao fundo Peninsula Capital - Kiko

“Esta operação é um passo importante para a Kiko, 21 anos após o seu nascimento. Com o nosso novo sócio, a Peninsula, queremos consolidar o crescimento da marca", afirmou Antonio Percassi, presidente da Kiko. "O desenvolvimento de canais digitais inovadores desempenha um papel central no nosso plano de negócios para os próximos três anos, tanto em termos de vendas, com a compra cada vez maior através da internet, como na gestão da empresa."

O principal objetivo da operação é promover e apoiar os objetivos de crescimento da Kiko, incluídos no plano de negócios de 2018/2020, no qual estão previstos investimentos de aproximadamente 90 milhões de euros. Cerca de 30 destinam-se à inovação tecnológica, especialmente aos sistemas utilizados pela empresa, e ao comércio eletrónico, que a Kiko quer que em 2020 atinja 7% da faturação. Atualmente, contribui com 3,5% . Em relação à expansão da marca no estrangeiro, serão feitos investimentos em mercados de alto crescimento, como Médio Oriente, Índia ou Ásia.

Fundada em 1997 por Antonio e Stefano Percassi, a Kiko está presente em 21 países e conta com 7.500 funcionários, 950 pontos de venda diretos e um portal de comércio eletrónico ativo em 32 países. O seu último grande passo aconteceu pela mão da Tmall, para entrar na China. A empresa, que encerrou 2017 com um volume de negócios de 610 milhões de euros, é propriedade da Percassi, nascida em 1976 e ativa na gestão tanto de marcas próprias de diversos setores (Kiko Milano, Womo, Bullfrog, Caio Antica Pizza Romana, La Piadineria Casa Maioli, DMail) como naquelas nas quais tem uma participação, como a Billionaire Italian Couture. A empresa também está envolvida no desenvolvimento e gestão das redes comerciais de algumas das principais marcas internacionais (como Gucci, Armani, Nike, Victoria’s Secret, Lego, Starbucks, Wagamama) e opera no âmbito imobiliário.

A Peninsula, com sede no Luxemburgo e com escritórios em Londres, é um fundo de private equity criado há dois anos e especializado em investimentos empresariais no sul da Europa, além de contar com uma sólida experiência no retalho. Os seus principais investidores são instituições da área do Golfo, incluindo o fundo soberano do Qatar, proprietário do Harrods desde 2010 e de marcas de luxo como Valentino ou Balmain.

Nesta operação, a Kiko recebeu assistência do escritório de advogados Gatti Pavesi Bianchi e a Peninsula do grupo de advogados Lombardi Segni e Associati; a Rothschild atuou como assessor financeiro da Kiko.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

CosméticaNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER