×
370
Fashion Jobs
MINGA LONDON
Ecommerce Manager
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
MINGA LONDON
Head of Creative Content / Art Director
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
SALSA
IT Retail Systems Specialist – Oportunidade de Suporte e Participação em Projetos de IT
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
GIANNI KAVANAGH
Marketing Director
Efetivo - CLT · BRAGA
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m) 1
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Vila do Conde (f/m)
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Assistant Store Manager Hugo Boss Factory Outlet Vila do Conte (f/m)
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Assistant Store Manager Hugo Boss Factory Outlet Vila do Conte (f/m)
Efetivo - CLT · Porto
HUGO BOSS
Ales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
HUGO BOSS
Sales Associate Boss Store Quinta do Lango (f/m)
Efetivo - CLT · Almancil
HUGO BOSS
Sales Associate Boss Store Quinta do Lago (f/m)
Efetivo - CLT · Almancil
HUGO BOSS
Assistant Store Manager Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
HUGO BOSS
Assistant Store Manager Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Mar Shopping Matosinhos - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Matosinhos
SALSA
Vendeur(se) Carre Senart 30h
Efetivo - CLT · Paris
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
28 de abr de 2020
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Prémio ANDAM reconfigura a edição 2020 com apoio a quatro empresas francesas

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
28 de abr de 2020

O ANDAM Fashion Award, o histórico prémio francês para talentos emergentes, anunciou um formato diferente para 2020, devido ao surto de COVID-19. A edição será reconfigurada para assegurar que talentos independentes locais garantam os seus espaços, nas próximas semanas de moda, ou que consigam implementar novas iniciativas que consolidem o futuro. E, o novo enfoque, será definitivamente francês. 
 
Desde a sua estreia em 1989, quando o primeiro vencedor foi o então muito obscuro Martin Margiela, o prémio ANDAM conquistou a reputação de descobrir grandes estrelas do futuro. No entanto, na sequência da pandemia de COVID-19, o ANDAM irá reformatar excepcionalmente a sua edição de 2020 e redireccionar o dinheiro do prémio para quatro designers e criadores diversos, que devem estar todos sediados em França.


Anúncio do ANDAM Fashion Award da sua edição reformulada de 2020 nas redes sociais - Instagram


Como os finalistas têm tradicionalmente de apresentar, em pessoa, as suas ideias e coleções ao distinto júri, o distanciamento social tornou efectivamente impossível qualquer concurso clássico este ano.
 
"Potente catalisador da atualidade, o ANDAM tem de ser também uma plataforma forte que nos ajude a antecipar e a resolver os grandes desafios colocados por esta crise. Temos de apoiar e difundir todas as inovações que possam facilitar o aparecimento de novas formas de expressão", afirmou Guillaume Houzé, presidente do ANDAM e membro da direção das Galeries Lafayette. "Agora é o momento de reinventar a nossa indústria, com os talentos criativos, as startups da moda mais inovadoras, as marcas centradas no bem comum, que nos farão sentir orgulhosos. Estou convencido de que Paris é o melhor lugar para este desafio".

A mudança de rumo do ANDAM surge duas semanas depois de o Prémio LVMH ter anunciado que não haveria final este ano e, em vez disso, decidiu distribuir o seu prémio em lotes de 40.000 euros a atribuir aos seus oito últimos finalistas.
 
No caso do ANDAM, o prémio monetário total de 500.000 euros, será distribuído entre quatro designers da seguinte forma: Será atribuído um total de 350.000 euros a dois finalistas ou vencedores anteriores da ANDAM, desde que estejam ligados a empresas francesas e possuam a maioria das suas marcas. Uma dotação de 200.000 euros será destinada a apoiar uma estrutura estabelecida, gerando mais de 10 milhões de euros de volume de negócios anual; uma segunda será destinada a uma empresa com receitas compreendidas entre um e 10 milhões de euros.
 
Em terceiro lugar, o Prémio Pierre Bergé de 100.000 euros será atribuído a "uma jovem empresa francesa que oferece uma visão criativa inovadora e/ou um modelo de negócio". A empresa deve também ser francesa, independente, e ter pelo menos uma época comercial, bem como vendas anuais de 1 milhão de euros a partir de 2019.


Painel de juízes do ANDAM Fashion Award para 2020 - ANDAM Fashion Award


Finalmente, haverá um Prémio de Inovação de 50.000 euros a atribuir a um empresário ou start-up, francês ou internacional, para desenvolver um projecto em França que ofereça soluções inovadoras ou tecnológicas nos domínios alargados da moda e do design.
 
"Ao procurar os novos modelos empresariais e tecnologias inovadoras, o ANDAM compromete-se e mobiliza-se para apoiar as iniciativas absolutamente necessárias para a mutação da nossa indústria. Estou muito grato e gostaria de agradecer ao Ministério da Cultura francês, DÉFI, e a todos os nossos patrocinadores, que aceitaram manter a sua contribuição este ano para oferecer um apoio empenhado e vital aos talentos que garantirão a reinvenção e a continuidade da indústria da moda", salientou Nathalie Dufour, fundadora e diretora executiva do ANDAM.
 
Os candidatos podem agora candidatar-se online, em www.andam.fr, até 8 de junho de 2020, enquanto o júri se reunirá praticamente a 2 de julho para seleccionar os quatro vencedores, determinados por um voto de maioria absoluta.
 
O júri de 2020 é composto por 18 notáveis executivos de moda e inclui Riccardo Bellini da Chloé; Xavier Clergerie da Who's Next; Guillaume de Seynes da Hermès; Bruno Pavlovsky da Chanel; François-Henri Pinault da Kering; Clarisse Reille da DEFI; Renzo Rosso da Diesel; Nadja Swarovski; e Sidney Toledano da LVMH.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.