×
Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
20 de fev de 2020
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Puma diz que coronavírus afetará vendas e lucro

Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
20 de fev de 2020

O grupo alemão de artigos desportivos Puma anunciou na quarta-feira (19) que o surto de coronavírus na China irá afetar as suas vendas e lucros no primeiro trimestre. Apesar disso, a empresa disse que espera atingir as metas estabelecidas para 2020.


Puma x Helly Hansen - Puma


A Puma informou que mais da metade das suas lojas na China foram temporariamente fechadas e que o declínio no turismo chinês também está a afetar outros mercados, especialmente na Ásia. A Puma gera quase um terço das suas vendas na Ásia.

A Puma também indicou que no quarto trimestre de 2019 as vendas aumentaram 18% após o ajuste cambial, para 1,48 mil milhões de euros; enquanto o lucro antes dos juros e impostos (Ebit) aumentou 47%, para 55 milhões de euros, ambos acima das previsões dos analistas de 1,43 mil milhões de euros e 52 milhões, respectivamente.

A empresa disse que para 2020 espera um crescimento de cerca de 10% nas vendas após o ajuste cambial e um Ebit entre 500 e 520 milhões de euros, além de uma melhoria significativa no lucro líquido.

© Thomson Reuters 2021 All rights reserved.