Quarta edição das Journées Particulières da LVMH atrai 180 mil visitantes

A quarta edição das Journées Particulières da LVMH, realizada de sexta a domingo em 77 espaços de 14 países, bateu o seu recorde de visitantes ao receber 180 mil pessoas.


Durante três dias, as "maisons" da LVMH abriram as suas portas ao público - AFP

Um "sucesso sem precedentes", como descrito no domingo (14) pelo grupo francês de luxo num comunicado. O objetivo para este ano era receber 175 mil visitantes, enquanto a edição anterior, em maio de 2016, atraiu 145 mil pessoas.

Este ano, 56 das 70 maisons da LVMH participaram nas Journées Particulières, bem como 3 mil artesãos e criadores de diferentes setores (Wines & Spirits, Moda e Artigos de Couro, Perfumes & Cosméticos, Relógios & Joalharia...) que mostraram aos visitantes o seu savoir-faire.

Em França, abriram ao público a propriedade Château Cheval Blanc em Saint-Emilion, os ateliers de alta costura da Dior em Paris, os centros de criação de perfumes Les Fontaines Parfumées em Grasse (Alpes-Maritimes) e as adegas de champagne Krug, em Reims, e de Hennessy, em Cognac.

A LVMH também abriu as portas da sua destilaria Glenmorangie na Escócia, a sua fábrica de relógios Hublot na Suíça, um atelier de calçado Louis Vuitton em Itália, e a destilaria de vodca polaca Belvedere. E fora da Europa, várias vinícolas também abriram ao público, incluindo a Cloudy Bay na Nova Zelândia, Newton Vineyard em Nappa Valley, e Terrazas de Los Andes na Argentina.

A LVMH atingiu um recorde em 2017, superando os 42 mil milhões de euros em vendas anuais.

Redação com AFP

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

LuxoEventos
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER