Salsa quer vender 220 milhões, 15% online

José António Ramos, o novo CEO da Salsa (grupo Sonae), deu uma entrevista ao jornal Dinheiro Vivo, durante a qual estabeleceu as metas que se propõe a curto e médio prazos, e onde avulta atingir os 15% do total da faturação através do canal online – para um volume de negócios estimado de 220 milhões de euros no final de 2019.


José António Ramos, CEO da Salsa - Fotografia: Divulgação

Afirmando que ainda não tem um diagnóstico definitivo, José António Ramos (foto) disse ainda que aposta em encontrar uma forma de “desenvolver todo o potencial” da marca, nomeadamente no que tem a ver com a sua internacionalização – depois de ter ‘conquistado o mercado interno: “é uma marca com um reconhecimento muito alto entre os consumidores, 90% reconhecem a Salsa de uma forma espontânea, em outros mercados não é assim. Temos de trabalhar nesse sentido”.

A questão que se coloca é se “vamos fazê-lo com ou sem lojas”, uma vez que “o mundo é cada vez mais omnicanal e a Salsa tem uma posição fantástica a esse nível, temos uma operação online que está ao nível das melhores marcas. Temos de ver qual o será o papel das lojas e do online”.

O novo CEO da Salsa enfatiza que “a operação online é muito rentável e isso dá-nos uma garantia de futuro. Ainda há muitas marcas que estão a lutar para encontrar um modelo que lhes permita ter um online rentável. Nesse campo, a Salsa tem uma posição de clara vantagem face a outras de igual dimensão”.

José António Ramos afirmou, por outro lado, que “já vendemos mais fora do que em Portugal e continuamos a apostar na internacionalização. Não queremos fragilizar a nossa posição em Portugal, a Salsa conseguiu um status em Portugal que quer manter, mas o nosso foco está em crescer fora. Espanha é o primeiro passo, já estamos lá com plataforma de presença física (tanto em lojas próprias, como no El Corte Inglés), e no online, onde queremos crescer mais”.

Copyright © Jornal T. Todos os direitos reservados.

DenimDistribuiçãoNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER