×
279
Fashion Jobs
ADIDAS
Senior Controlling & Reporting Specialist (m/f)
Efetivo - CLT · PORTO
TIFFOSI
Area Manager (m/) - Zona Norte
Efetivo - CLT · Braga
ADIDAS
Buyer - Italian Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
M+RC NOIR
Production Manager
Efetivo - CLT · ESPOSENDE
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
THE AMAZING FRENCH COLONY
Fashion Designer Assistant
Estágio · LISBOA
EMPRESA DE MODA NO SETOR DO LUXO
Vendedor/a de Loja de Gama Alta
Trabalho temporário · LISBOA
ELSA GOES GREEN
Business Development
Estágio · ERICEIRA
CH CAROLINA HERRERA
Vendedores Eci Lisboa (36 h)
Trainee · LISBOA
CONFIDENCIAL
Stylist (m/f)
Efetivo - CLT · PORTO
SALSA
Conseiller(es) de Vente Avenue 83 Toulon 30h
Efetivo - CLT · Toulon
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Eci Lisboa - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Lisboa
ADIDAS
Team Leader o2c Credit And Collections (m/ f) - German Speaker
Efetivo - CLT · Porto
PARFOIS
Interior Designer
Efetivo - CLT · PORTO
ADIDAS
Tax Accountant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Senior o2c Credit And Collections Specialist (m/ f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Gbs Process Manager s2p (m/ f)
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Freeport - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Alcochete
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Oeiras Parque - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Oeiras
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Fórum Aveiro - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Aveiro
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Foz Plaza - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Figueira da Foz

Salvatore Ferragamo eleva preços entre 5% e 7% para conter impacto da pandemia

Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
16 de jul de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

O grupo italiano de moda, Salvatore Ferragamo, aumentou os preços de uma série de artigos de luxo, de 5% a 7%, para conter a queda na receita e no lucro, na sequência da diminuição da demanda provocada pela crise do coronavírus COVID-19.

Os novos preços, que serão aplicados em todas as regiões, não foram anunciados pela empresa, mas um porta-voz confirmou as informações que foram divulgadas por uma fonte, com conhecimento sobre o assunto, na quarta-feira (15 de julho).



A medida segue os passos semelhantes de outras marcas de luxo e visa "mitigar a contração no tráfego das lojas e o aumento nos custos de logística e gerenciamento de retalho causados ​​pela pandemia", disse a fonte.

A emergência do coronavírus complicou os esforços de gestão da empresa em dar um impulso na marca de artigos de couro, que o ano passado retomou o crescimento das vendas pela primeira vez desde 2015.

Nos primeiros três meses de 2020, as vendas da Ferragamo caíram quase um terço e o grupo deve atualizar a tendência de vendas do segundo trimestre a 28 de julho.

Há duas semanas, o CEO da Prada, Patrizio Bertelli, disse que os custos crescentes obrigaram a empresa a aumentar os preços na percentagem de um dígito.

As marcas italianas juntaram-se a rivais como a Gucci, Louis Vuitton e Chanel no aumento de preços para limitar o impacto das medidas de bloqueio e a desaceleração do tráfego turístico provocados pela pandemia, que está a afectar gravemente os resultados de toda a indústria.
 

© Thomson Reuters 2020 All rights reserved.