×
305
Fashion Jobs
GIANNI KAVANAGH
PR / Influencers Management
Efetivo · BRAGA
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Lisboa - CDI - Part-Time - 30h - m/h
Efetivo · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Madeira Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Funchal Rua - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Alma Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Coimbra
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Vendedor(a) - CDD 15h - 6 Meces - Porto Norte H/F
Temporario · SENHORA DA HORA
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Vendedor/a - 30h - Chiado
Temporario · LISBOA
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
14 de jan. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Semana da Moda de Londres será digital e sem público

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
14 de jan. de 2021

Apesar do confinamento em Inglaterra, a fashion week londrina irá realizar-se no próximo mês, mas sem público e em formato digital. 


Burberry - primavera-verão 2021 - Moda Feminina - Londres - © PixelFormula


O British Fashion Council (BFC) anunciou esta quarta-feira que tem estado "a debater com o Governo o caminho a seguir relativamente à Semana da Moda de Londres, tendo em conta o atual contexto de emergência sanitária". Como resultado destas negociações, o evento irá realizar-se de 19 a 23 de fevereiro, sendo que “os desfiles, apresentações e instalações podem ser gravados e fotografados, mas não podem decorrer com público convidado”, explicou o BFC.
 
As medidas anti-Covid do Reino Unido permitem continuar com gravações e sessões fotográficas, sempre de acordo com as medidas de segurança.

A página do evento será www.londonfashionweek.com, um site no qual todos os designers irão mostrar novos conteúdos e colocar à venda novas coleções com um conteúdo digital “acessível a todos ao longo do ano”.
 
O BFC tem colaborado com as autoridades não só no que diz respeito à Semana da Moda de Londres, mas também para permitir que o setor da moda criativa continue a funcionar e a expandir-se. 

“O BFC continua a pedir ao Governo que se comprometa a apoiar a indústria da moda”, declarou a diretora executiva do BFC, Caroline Rush. “ Um dos pedidos mais importantes é que permita que os principais talentos do design e os modelos viajem de e para o Reino Unido com uma introdução gradual de isenções de quarentena para a indústria da moda, a fim de ser possível levar a cabo negócios essenciais e proteger a competitividade da indústria da moda britânica.”

E continuou: "Este novo confinamento está a ser incrivelmente difícil para empresas, trabalhadores independentes e particulares. O nosso setor é de uma criatividade incrível e isso é mais verdadeiro no Reino Unido do que em qualquer outro país. A maioria das empresas e pessoas com quem trabalhamos são empresas e designers independentes que contribuem significativamente para a reputação cultural e criativa do nosso país."

“Continuaremos a pressionar para obter apoio e defender as nossas maravilhosas empresas perante o público internacional. Apesar dos desafios dos últimos anos, acredito sinceramente que a criatividade, agilidade e inteligência empresarial do nosso setor prevalecerão e que a consciência social das nossas empresas britânicas e a força laboral do setor de moda nos ajudarão a ser mais fortes do ponto de vista criativo, mas também de forma sustentável.”

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.