Sergio Tacchini adquirida por Stefano Maroni e dois fundos de investimento americanos

A Sergio Tacchini tem um novo proprietário. De acordo com o jornal online italiano Pambianco News, a marca italiana lifestyle de artigos desportivos foi comprada pelo empresário Stefano Maroni, dono da empresa de licenciamento americana GMI, em associação com dois fundos de investimento dos Estados Unidos, Twin Lakes Capital e B. Riley Principal Investments. Contactado pela FashionNetwork.com, a Sergio Tacchini não quis comentar ou confirmar as notícias.


Nas últimas temporadas, a Sergio Tacchini apostou na tendência das roupas desportivas inspiradas nos anos 90 - DR

A marca foi fundada em 1966 pelo tenista italiano Sergio Tacchini e vendida ao empresário chinês Billy Ngok em 2007. Em 2013, Billy Ngok, juntou-se a outros investidores privados e uniu forças com a Wintex Hong Kong, dona da Wintex Italia, empresa que detém a marca Sergio Tacchini e as suas licenças.

Em 2018, a Sergio Tacchini gerou uma receita de 50 milhões de euros, um crescimento de 10% em relação a 2017. A previsão para o ano fiscal atual é de um crescimento de mais 10%, para 55 milhões de euros. O plano é que a Sergio Tacchini atinja uma receita de 100 milhões nos próximos cinco anos.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

DesportoMédiasNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER