×
352
Fashion Jobs
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
FARFETCH
Account Manager (Italian Speaker)
Efetivo · PORTO
LION OF PORCHES
Copywriter
Efetivo · MINDELO
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
ISADORA LIMARE
Communication Assistant
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Digital Marketing Assistant
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Community Manager
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Sales Assistant
Estágio · LISBOA
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
18 de mar. de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Stella McCartney é a primeira marca a usar couro de cogumelo Mylo em roupa

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
18 de mar. de 2021

Está a ser aclamado como uma estreia mundial e dará a Stella McCartney uma plataforma mais ampla na sua busca pela sustentabilidade na moda. A designer lançou vestuário feito de "couro" cultivado a partir de cogumelos.


Stella McCartney


O lançamento insere-se numa importante tendência, no âmbito da qual a fabricante de calçado ético Allbirds reivindicou o estatuto de "primeiro do mundo" no mês passado com a sua nova sapatilha de "couro" vegetal.
 
Mas, antes, McCartney. Vegan de longa data, ambientalista confessa e ativista contra as peles, penas e couro, a criadora associou-se à empresa de biotecnologia californiana Bold Threads no ano passado para garantir acesso ao seu material inovador, o Mylo. Descrito como um "não couro", é cultivado a partir do micélio, a parte vegetativa do fungo, e é considerado "infinitamente renovável".

O resultado é um bralette longo e um par de calças utilitárias estilo balão, usados pela defensora dos direitos dos animais Paris Jackson para o lançamento.
 
As peças foram confecionadas à mão a partir de painéis de material à base de micélio colocados sobre nylon reciclado no atelier da marca em Londres. O material suave e substancial está certificado como de base biológica, o que significa que é feito predominantemente de ingredientes renováveis encontrados na natureza.
 
"Acredito que a comunidade Stella nunca deveria ter que comprometer o desejo de luxo pela sustentabilidade, e Mylo permite tornar isso uma realidade", disse McCartney.

A história começou em outubro passado, quando McCartney anunciou que se havia tornado parte de um "consórcio sem precedentes" com importantes empresas globais "que garantiram o acesso exclusivo ao material inovador". Estas incluem também o grupo de luxo Kering e as gigantes do sportswear Adidas e Lululemon. Mas, McCartney tem obviamente uma vantagem sobre os seus companheiros.
 
A designer tem trabalhado em estreita colaboração com a equipa da Bolt desde o anúncio para desenvolver e expandir o lançamento resultante. Isso incluiu aperfeiçoar o peso, o caimento e a textura do material.

Dan Widmaier, CEO e fundador da Bolt Threads, disse que o material utilizado nas duas peças representa um grande passo em frente tanto na estética quanto no desempenho dos biomateriais.
 
Widmaier acrescentou que se trata tanto de um grande desafio tecnológico como de uma "grande oportunidade para as pessoas e para o planeta".

Como mencionado anteriormente, este lançamento acontece após a especialista em calçado Allbirds lançar uma sapatilha feita de couro vegetal sem plástico no mês passado. A Allbirds disse ter investido 2 milhões de dólares na empresa de inovação de materiais Natural Fiber Welding. A fabricante de calçado, conhecida pelos seus materiais sustentáveis, como tecidos renováveis feitos de eucalipto renovável e solas de cana-de-açúcar, disse que o seu mais recente produto se baseia na tecnologia Mirum da Natural Fiber Welding para criar o primeiro "couro" 100% natural de origem vegetal.

O couro vegetal, batizado pela empresa Plant Leather, é feito com óleo vegetal, borracha natural e outros ingredientes biológicos, e a Allbirds disse que também tem muita escalabilidade. A empresa afirma ter 40 vezes menos impacto de carbono que o couro e 17 vezes menos carbono do que o couro sintético feito de plástico.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.