Tiffany abre restaurante em Nova Iorque

O sonho de Holly Golightly, personagem criada por Truman Capote e imortalizada por Audrey Hepburn filme de culto de 1961 “Boneca de Luxo” (em inglês “Breakfast at Tiffany’s"), dirigido por Blake Edwards, tornou-se realidade no Blue Box Café.


Tiffany

A partir do dia 10 de novembro, o sonho de Holly Golightly tornou-se realidade, pois a partir desta data tornou-se de facto possível tomar o pequeno-almoço na Tiffany. O nome do filme, “Breakfast at Tiffany’s", foi traduzido para "Boneca de Luxo” em Portugal, mas a tradução literal do título original em inglês do filme de culto seria "Pequeno-almoço na Tiffany". 

A lendária joalharia nova-iorquina, localizada perto da Trump Tower, abriu o seu primeiro restaurante no interior da sua flagship da Fifth Avenue. O nome do espaço é Blue Box Café, fica no quarto andar do edifício e, segundo a revista Vanity Fair informou de antemão, é possível tomar o pequeno-almoço dentro de uma das famosas caixas azuis da Tiffany, onde os preciosos produtos da marca são embalados. O azul Tiffany está na cor do mobiliário e na decoração, e o menu é simples e sazonal, com os clássicos americanos reinventados para se tornar "apenas Tiffany”.

O pequeno-almoço na Tiffany custa 29 dólares e o almoço custa 39 dólares.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 ANSA. Todos os direitos reservados.

GourmetDistribuição
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER