×
700
Fashion Jobs
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo · Braga
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Direct-tO-Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Buyer - Spanish Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Apo (Snp/Ibp) Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Non-Trade Procurement Business Analysis (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Footwear Buyer
Efetivo · Alicante
JD SPORT
Apparel Buyer
Efetivo · Alicante
SACOOR BROTHERS
Fiel de Armazém (Storekeeper) - c. Comercial Colombo (m, f)
Efetivo · Lisboa
MINGA LONDON
Digital Marketeer
Efetivo · GUIMARÃES
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant - c. Comercial Norteshopping (m, f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist - People Services - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Demand Planner (m/f)
Efetivo · Maia
ADIDAS
Manager Gbs Delivery Excellence - Resource Planning (M/F/D) -Porto/Herzo
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Reporting & Analytics (M/F/D) - Direct to Consumer Ecommerce
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Gbs Delivery Excellence - Resource Planning (M/F/D) -Porto/Herzo 1
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - Mobility (M/F/D)
Efetivo · Porto
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
8 de out. de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Trabalhadores da Desigual dizem sim à semana de trabalho de quatro dias

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
8 de out. de 2021

A votação de quinta-feira (7 de outubro) marca um ponto de viragem na forma como o trabalho é entendido na sede da Desigual em Barcelona. Após a empresa de moda ter anunciado o seu plano de ação baseado na implementação de uma semana de trabalho de segunda a quinta-feira, os empregados da empresa fundada por Thomas Meyer aprovaram a iniciativa através de uma votação democrática.


Interior da sede da Desigual em Barcelona - Desigual


Com uma participação de 98 % de cerca de 500 trabalhadores na sede da empresa, a proposta da direção foi validada com 86% a favor. Para esta aprovação, a empresa tinha fixado o objetivo de mais de dois terços dos que votaram a favor.

Assim, a partir de sexta-feira (8 de outubro), o pessoal da Desigual (com exceção das equipas de vendas e operações) terá agora uma semana de trabalho de quatro dias, três dos quais podem ser presenciais e um pode ser em teletrabalho. Como o CEO da empresa, Alberto Ojinaga, já tinha detalhado durante a apresentação do projeto em setembro passado, a aplicação desta medida para promover o equilíbrio entre a vida profissional e familiar implicará uma redução de 6,5% no salário e uma redução das horas de trabalho: de 39,5 para 34 horas por semana.

Para garantir a transparência da votação, esta teve lugar na sede da empresa e os votos foram contados ao vivo. Este trabalho, juntamente com a gestão e organização do processo, foi levado a cabo por uma equipa de 10 porta-vozes escolhidos pelos próprios funcionários da Desigual.
 
"A nova semana de trabalho vai exigir um processo de adaptação e um esforço da parte de todos, mas se a pandemia nos mostrou alguma coisa, é que podemos organizar o nosso trabalho e as nossas equipas de uma forma diferente e continuar a ser eficientes, dando prioridade ao que é realmente importante", comentou Alberto Ojinaga, salientando que a iniciativa vai tornar a empresa mais atrativa para reter e atrair talento profissional. "Ficaríamos encantados se a decisão tomada hoje pelos empregados da Desigual abrisse um precedente e inspirasse outras empresas", continuou, otimista quanto ao seu papel pioneiro no setor.

Pela sua vez, a diretora de pessoal da empresa, Coral Alcaraz, salientou que "foi um dia histórico para a empresa e foi muito gratificante ver como os trabalhadores foram envolvidos no processo de informação e votação e valorizaram uma aposta tão disruptiva e inovadora como aquela que propusemos a favor da flexibilidade e do equilíbrio entre a vida profissional e a vida privada".

Com sede em Barcelona, a empresa fundada por Thomas Meyer em 1984 terminou o ano financeiro de 2020 em números vermelhos, sofrendo os efeitos da pandemia. O volume de negócios contraiu-se em 38,8% até 360 milhões de euros. De acordo com as suas últimas previsões, a empresa de moda catalã regressará a números positivos em 2021. A marca emprega atualmente 2.700 pessoas e está presente em 107 países através de 438 lojas monomarca e 10 canais de venda. 
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.