×
357
Fashion Jobs
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
FARFETCH
Account Manager (Italian Speaker)
Efetivo · PORTO
LION OF PORCHES
Copywriter
Efetivo · MINDELO
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
ISADORA LIMARE
Communication Assistant
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Digital Marketing Assistant
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Community Manager
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Sales Assistant
Estágio · LISBOA
Publicado em
15 de dez. de 2021
Tempo de leitura
4 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Treze the Lab: nova marca de roupa portuguesa com envios para todo o mundo e respeito pela sustentabilidade

Publicado em
15 de dez. de 2021

A nova marca de ADN português Treze the Lab – fundada por mãe e filhos (Ana Rodrigues, Mariana e Rodrigo) – revela a saudade das mulheres portuguesas pela moda cíclica de alta qualidade, que acaba por ser intemporal. Como é o caso da sua primeira coleção que leva este mesmo nome, com os modelos e padrões rebuscados no tempo, mais propriamente nos anos 70 e início da década de 80, regressando a "tempos felizes" (como diz a marca na conta de Instagram). E onde a cofundadora Ana Rodrigues reforça: "Inspiração, a minha mãe viveu nos anos 70 a sua adolescência e eu tenho saudades desse tempo, sem nunca o ter vivido. Por isso é muito mais, a nossa primeira coleção, chama-se Saudade". 


Memórias de família servem como fonte de inspiração às coleções da Treze the Lab - Instagram: @treze.the.lab


Assim, também mais do que uma marca de roupa, a Treze the Lab é "uma manifestação de amor e respeito pela sustentabilidade”, releva ainda a marca familiar num comunicado de imprensa divulgado pela Marketeer, reforçando que se inspira em "memórias de tempos felizes" para dar vida a peças Made in Portugal, femininas e com padrões criados de raiz. Muito embora, estes se situem no período temporal onde se vai buscar a inspiração, levando uma refrescadela em termos de atualização do estilo. 

Sempre que não é possível utilizar materiais reciclados, a marca opta por reaproveitar desperdícios de tecidos na confeção das suas peças integradas em coleções de edição limitada. Por vezes, com apenas três. Seja como for, a saudade é sempre a palavra de ordem, por guarda-roupas de pais e avós revisitados, a servirem de ponto de partida para as coleções, nomeadamente para a Saudade, em viagem pelos anos 70 e 80 na forma de blusas, camisas e calções com padrões groovy.


Primeira coleção Saudade lançada no site da marca a 31 de outubro - Instagram: @treze.the.lab


Ana Rodrigues explica à Marketeer a ideia do projeto, que nasceu da insistência dos próprios filhos em criar uma marca de roupa com uma relação direta à família: a Mariana de 12 anos, "uma verdadeira amante das artes", que "começou a desenhar padrões e a idealizá-los em peças de roupa", durante o confinamento; e o Rodrigo, estudante de Gestão de Marketing, que idealizou a forma de nascimento da marca, "realçando sempre a parte mais humana do projeto e como podemos ser mais sustentáveis".

Com a sorte no número 13 (Treze) do logotipo, alargada ao laboratório de amor a três, que revisita álbuns, hábitos e vivências da família, a nova marca com atelier em Lisboa aposta em coleções limitadas com materiais sustentáveis, padrões criados de raiz, cortes versáteis, simples e intemporais e fabrico 100% português.


Look com peças das coleções Aurora (blusa) e Élia (calças) - Instagram: @treze.the.lab


“Queremos que as pessoas sintam que quando estão a vestir Treze, para além de ser uma peça de roupa, ela conta uma história", afirma Ana Rodrigues, sempre reforçando que a primeira coleção Saudade "foi criada e pensada muito em volta das minhas memórias de infância e adolescência (onde fui muito feliz) e dos nossos álbuns de família".

A ideia é que estas peças "durem muito tempo no guarda roupa das pessoas que as adquirem e gostávamos que elas pudessem perdurar e fazer parte da história das filhas das nossas clientes”, diz ainda.


Cartões de agradecimento da Treze the Lab, comconjunto de malha Élia - Instagram: @treze.the.lab


Nesta fase de arranque, a Treze the Lab dedica-se exclusivamente a peças femininas para jovens e mulheres mais velhas (ou sem idade), mas já levando a promessa de alargar as coleções ao universo masculino.

A marca lisboeta defende o lema da jornalista e escritora britânica sobre questões ambientais, Lucy Siegle: "Fast fashion isn't free. Someone, somewhere is paying" (A moda rápida não é grátis. Alguém, algures está a pagar). E vai enviando as suas peças inéditas e limitadas para todo o mundo, também com consciência e ética, uma vez que 1% das suas vendas revertem para instituições a favor do planeta. 


Blusa Amélia com primeiro padrão desenhado pela Treze the Lab - Instagram: @treze.the.lab


A história das coleções de edição limitada da Treze the Lab começa a ser escrita com o lançamento no site da pioneira Saudade, no passado dia 31 de outubro, desdobrando-se agora em padrões novos e igualmente rebuscados a tempos anteriores, que persistem nestas peças vivas de vivências e cor, multiplicadas ao infinito de um mundo criativo sem fronteiras, que abraçamos hoje.

Num gesto humano e simples da pequena família portuguesa da Treze the Lab, se comparada à grande família universal a que se dirige no online.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.