Unilever regista queda de 1,6% no primeiro trimestre, para 12,4 mil milhões de euros

A gigante anglo-holandesa de alimentos e cosméticos Unilever registou um ligeiro declínio nas vendas no primeiro trimestre, devido ao encerramento da venda de margarinas, divisão histórica do grupo, mas obteve bom desempenho nos segmentos de higiene e beleza.


O setor "beleza e higiene pessoal" da Unilever inclui marcas como Dove, St Ives e Toni & Guy. - St Ives

O volume de negócios da Unilever no período foi de 12,4 mil milhões de euros, uma queda de 1,6% em relação ao mesmo período do ano passado, informou a empresa em comunicado. Excluindo as "margarinas" - a divisão histórica do grupo que foi encerrada em 2018 - as vendas subjacentes cresceram 3,1%, com aumento dos volumes (1,2%) e dos preços (1,9%).

“Tivemos um bom início de ano que nos permitiu manter as nossas metas para o ano inteiro", disse Alan Jope, o novo diretor-geral do grupo desde janeiro, que entrou como substituto de Paul Polman. "O crescimento foi impulsionado pelos mercados emergentes e manteve-se equilibrado entre volume e preço", acrescentou em comunicado.

A Unilever, que comercializa mais de 400 marcas, incluindo Knorr, Dove e Rexona, e emprega cerca de 161 mil pessoas em todo o mundo, manteve as metas estabelecidas para 2020. O grupo espera um crescimento entre 3% e 5% nas vendas em mesmas lojas, melhoria na margem operacional subjacente e fluxo de caixa significativo.

A gigante anglo-holandesa de alimentos e cosméticos tem investido em aquisições nos últimos meses, com a compra, em dezembro, da marca de açougue vegetariana De Vegetarische Slager e da marca americana de produtos de limpeza ecológicos The Laundress, em janeiro.

A Unilever anunciou recentemente que também vai adquirir as marcas de cuidados bucais Fluocaril e Parogencyl à gigante de bens de consumo americana Procter & Gamble (P&G), bem como a marca de cosméticos francesa Garancia no segundo semestre de 2019.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.

CosméticaBeleza - DiversosNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER