VF cresce 15% no segundo trimestre

Depois de um primeiro trimestre com aumento de 23%, o grupo americano VF Corp.        desacelerou um pouco no segundo trimestre do seu ano fiscal de 2019 (encerrado a 30 de setembro), registando um aumento de 15%, para 3,9 mil milhões dólares.


Vans cresce 26% no segundo trimestre - Instagram: @vans
 
As recentes aquisições da Williamson-Dickie, Icebreaker e Altra contribuíram para este resultado com 324 milhões de dólares. Excluindo as aquisições, o crescimento foi de 6%.
 
Em particular, o desempenho da marca Vans foi muito bom, com uma progressão de 26%. As três principais marcas do grupo: Vans, The North Face e Timberland, registaram um crescimento geral de 11%.
 
As exportações aumentaram 13% no total, com a China a impulsionar o crescimento (+21%), seguida pelas Américas (excluindo os Estados Unidos, com +19%), Estados Unidos (+17%), APAC (15%) e EMEA (11%). Na região EMEA, a Vans cresceu 8% e a The North Face 16%, enquanto a Timberland registou um ligeiro decréscimo de 2%.
 
Incluindo as aquisições, as vendas direct-to-consumer aumentaram 19%, com um salto de 48% na receita online. O canal de atacado, por sua vez, registou um aumento de 14%.
 
Diante destes resultados, o grupo espera um crescimento de 11% no ano fiscal de 2019, para 13,7 mil milhões de dólares.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirModa - AcessóriosModa - CalçadosDesportoNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER