×
261
Fashion Jobs
ADIDAS
Financial Controller & Reporting Senior Specialist (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
IT Service Desk Specialist
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
HR Controlling & Data Analytics Senior Specialist (m/ f
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Manager - Project Management & Strategy
Efetivo - CLT · Porto
 GRUPO CONSTANT SERVIÇOS EMPRESARIAIS, LDA.
Area Manager - Retalho/Moda (m/f) - Lisboa
Efetivo - CLT · Lisboa
ADIDAS
Sales Associate Centro Comercial Norteshopping
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
IT Sap Specialist fi/co e HR
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Gbs Senior Buying Specialist (m/ f) - French Speaker
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
General Ledger Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
H&M
Senior Lawyer - Expansion Department
Efetivo - CLT · Barcelone
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Vendedor(a) - 30h - CDD 6 Meses - Eci Lisboa H/F
Trainee · LISBONNE
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- Arrábida Shopping - Vila Nova de Gaia (m, f)
Efetivo - CLT · Porto
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- Rua Pascoal de Melo (m, f)
Efetivo - CLT · Lisboa
SACOOR BROTHERS
Costureira de Alta Costura- Oeiras Parque (m, f)
Efetivo - CLT · Lisboa
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- Dolce Vita Tejo (m, f)
Efetivo - CLT · Lisboa
LA ESTAMPA
Coordenador de Estilo (m/f)
Efetivo - CLT · BRAGA
FARFETCH
Senior Men Stylist
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
FARFETCH
Senior Stylist
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
FARFETCH
Stylist Browns
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
VALÉRIUS
Estágio - Modelista
Estágio · BARCELOS
MR.MOOD
Estágio - Web Designer
Estágio · PORTO
BOUTIQUE DOS RELÓGIOS
Assistente de Vendas Mandarim - Luxo
Efetivo - CLT · LISBOA

Victoria's Secret contrata brasileira como a sua primeira modelo transgénero

Por
Reuters
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 7 de ago de 2019
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A brasileira Valentina Sampaio é a primeira modelo transgénero da Victoria's Secret, numa tentativa da marca de lingerie, que atualmente enfrenta dificuldades, para modernizar a sua imagem. Daniel Robson, da Premier Model Management, em Londres, confirmou que a modelo brasileira assinou um contrato com a Victoria’s Secret, mas recusou-se a dar mais detalhes.


Valentina Sampaio - Instagram/Valentina Sampaio


Valentina Sampaio postou uma fotografia sua de uma sessão fotográfica no seu Instagram com um roupão branco com as hashtags #diversity e #new #vspink #campaign, referindo-se a Pink, a marca lançada pela Victoria's Secret em 2002, direcionada para mulheres mais jovens.

A Victoria's Secret, famosa pelos sutiãs incrustados de joias e as deslumbrantes asas de "anjo" usadas pelas modelos no seu desfile anual, está a enfrentar uma queda nas vendas à medida que mais mulheres optam por sutiãs mais baratos e tops desportivos.

A empresa de lingerie também está a repensar o seu desfile anual, que tem sofrido queda nas audiências, após receber críticas dizendo que o mesmo é machista e insensível. A Victoria’s Secret e a L Brands, empresa proprietária da marca, não responderam aos pedidos de comentários sobre a contratação de Valentina Sampaio.

A decisão de contratar uma modelo transgénero é uma reação contra os comentários feitos pelo diretor de marketing da empresa-mãe L Brands, Ed Razek, à revista Vogue no ano passado, que disse que não usaria modelos trans ou plus size nos desfiles "porque o desfile é uma fantasia".  Ed Razek anunciou a sua reforma esta semana num e-mail sem data para a equipa, ao qual a Fundação Thomson Reuters teve acesso.

"Há poucos com a paixão e o talento de Ed neste setor", disse o CEO da L Brands, Les Wexner, em nota. "Mas, tenho fé nas nossas incríveis equipas, talentos e produto, e estou empolgado com o futuro, à medida que crescemos e mudamos."


Valentina Sampaio já protagonizou capas de revistas como Vogue Paris, Vogue Brasil e Elle México, e faz parte de um número crescente de modelos trans de alto perfil, numa altura de pressão para que a indústria da moda se torne mais diversificada e inclusiva.

No ano passado, Ed Razek desculpou-se no Twitter pelo seu comentário "insensível" sobre as modelos trans, dizendo: "Nós tivemos modelos transgénero nos castings ... E como muitas outras, não conseguiram passar nas seleções”. "Admiro e respeito a jornada delas para abraçar quem realmente são", disse num comunicado no Instagram da Victoria’s Secret.

© Thomson Reuters 2019 Todos os direitos reservados.