×
Por
Reuters API
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
7 de dez de 2020
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Zalando: co-CEO Rubin Ritter demite-se

Por
Reuters API
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
7 de dez de 2020

Rubin Ritter, que tem desempenhado funções de co-CEO da empresa alemã de moda online Zalando, desde 2010, renunciará ao cargo no próximo ano, deixando Robert Gentz e David Schneider darem continuidade à liderança da empresa, como co-CEOs.


Rubin Ritter vai deixar a Zalando - Zalando


Fundada em Berlim por Gentz e Schneider em 2008, a Zalando cresceu rapidamente para se tornar a maior empresa retalhista de moda online da Europa, servindo 35 milhões de clientes ativos em 17 países.

Rubin Ritter, responsável pela estratégia e comunicação da equipa de gestão, disse numa declaração que queria dedicar mais tempo à sua família em crescimento e dar prioridade às ambições profissionais da sua esposa nos próximos anos.

"Nos meses que me restam, vou assegurar que continuaremos a avançar rapidamente na execução da nossa estratégia", disse.

O contrato de Ritter deveria ter sido executado até novembro de 2023, mas a Zalando informou que este se demitiria na próxima assembleia geral anual, que normalmente tem lugar em maio.

A presidente da Zalando, Cristina Stenbeck, adiantou que, embora o conselho de supervisão lamentasse a decisão de Ritter, respeitou a sua motivação e apreciou a transparência que concedeu à empresa o tempo suficiente para organizar a transição de gestão.

Rubin Ritter tornou-se co-CEO em 2010, lado a lado com Gentz e Schneider, tendo exercido também funções de diretor financeiro, até David Schroeder ser nomeado para o cargo no ano passado.
 

© Thomson Reuters 2021 All rights reserved.