×
371
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Zara introduz personalização de denim

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 13 de mar de 2019
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A maior cadeia de retalho da Inditex, a Zara, continua a expandir as fronteiras da fast fashion, explorando agora a personalização de peças da coleção denim da linha "Trf" da marca espanhola. A novidade, anunciada exclusivamente na sede do grupo em Arteixo, Espanha, coincidiu com a apresentação dos resultados anuais da empresa na quarta-feira, 13 de março.


'Zara Edited' introduz a personalizaçãocom um sistema de bordados em denim - FNW


Conforme explicado pelos gestores da marca à FashionNetwork.com, a ideia surgiu como uma reação ao feedback dos clientes e à demanda do mercado, e está alinhada com a tendência crescente no setor de denim. Batizado "Zara Edited", o conceito será introduzido na categoria denim da linha "Trf" e permitirá que os clientes adicionem palavras bordadas na frente ou no verso de calções de ganga, saias e casacos. O preço dessas peças será o mesmo dos itens não personalizados, mas uma vez personalizados, os produtos não poderão ser devolvidos.

Esta coleção piloto será lançada a 27 de março e estará disponível exclusivamente em três lojas da marca: na Plaza de Cataluña (Barcelona), em Kalverstraat (Amesterdão) e na recentemente renovada Corso Vittorio Emanuele (Milão). Os clientes também poderão personalizar as suas peças online ou através da aplicação da Zara, onde será possível selecionar a área que desejam personalizar, bem como a fonte e a cor do bordado. O serviço será disponibilizado em Espanha, Itália, Reino Unido e Holanda através da plataforma de comércio eletrónico da retalhista. Em Espanha, a personalização e os bordados da empresa serão concentrados em Madrid.


Um funcionário da Inditex mostra as opções de personalização da coleção através da aplicação - FNW


Em 2018, o grupo aumentou a sua receita em 3% para 26,15 mil milhões de euros, superando pela primeira vez na sua história 26 mil milhões de euros. As vendas online, que já representam 14% do volume de negócios nos mercados em que o grupo tem presença online, aumentaram 27% para 3,2 mil milhões de euros. A Zara aumentou sua presença no comércio eletrónico para 202 mercados no ano passado. Juntamente com a Zara Home, as marcas registaram vendas líquidas de 18,02 mil milhões de euros, mais 3,2% do que no ano anterior.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.