×
372
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Chanel deixa a sua marca nas últimas semanas da Colette

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 31 de out de 2017
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Os planos para os últimos meses da Colette já são conhecidos há algum tempo: uma série de marcas convidadas comprometeram-se a ocupar o primeiro andar da loja até ao final de dezembro, momento em que a tradicional concept-store parisiense vai fechar as portas. Depois da Balenciaga, Sacai e Thom Browne, e antes de a Saint Laurent entrar como convidada final, a Chanel assumiu o espaço no dia 30 de outubro.



A marca de moda parisiense revela as suas múltiplas facetas e exibe a sua paleta de cores variadas, evocando ao mesmo tempo moda, arte e cultura, com um espírito eclético, apreciado por Karl Lagerfeld. O primeiro andar da Colette conta com fotografias do designer, mas também, claro, o prêt-à-porter da marca. Uma seleção da coleção outono-inverno 2017 já está instalada, antes da chegada da coleção Cruise 2017-18, prevista para o dia 6 de novembro.

O tema "A Modernidade da Antiguidade” inspirou a cenografia do lugar, que conta com cortinas antigas, entre outros adereços, para destacar os produtos. A coleção é dividida em três segmentos: dia, noite e desporto. Também são apresentadas peças da marca de cashemire escocês Barrie, (pertencente ao grupo Chanel desde 2012) e algumas peças exclusivas para o evento, como t-shirts com design de Karl Lagerfeld, que selam a amizade entre a Colette e a Chanel, mas também, no final da operação, um par de sapatilhas inéditas, fruto de uma colaboração entre a Chanel, a Adidas Originals, a Colette e Pharell Williams.

O evento inclui música assinada por Michel Gaubert, mas também beleza, uma parte importante do património da marca. O mês da Chanel na Colette será enriquecido com várias palestras, que serão disponibilizadas como podcasts, centrados em temas variados como a moda, é claro, mas também cinema, literatura, música e dança, por "amigos da casa".

Esta união temporária entre a Chanel e a Colette vai permanecer até 25 de novembro, quando a Saint Laurent assumirá o local até ao encerramento da concept-store, previsto para dia 20 de dezembro.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.