×
Publicado em
30 de mai. de 2014
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

China: marcas de luxo aprovadas em linha

Publicado em
30 de mai. de 2014

As pesquisas de marcas de luxo realizadas no motor de busca chinês Baidu aumentaram 36% no ano passado. Um crescimento que ultrapassa aquele verificado pelo universo dos relógios e da joalharia (+26%), ou por aquele da moda (+10%).


Na classificação das marcas de luxo mais pesquisadas, Chanel, Louis Vuitton e Coach compõem o pódio. Vale realçar a presença, em um ‘top’ 10 bastante ocidental, da empresa de Hong Kong Chow Tai Fook, que ultrapassa as marcas Prada e Clavin Klein. Aliás, esta empresa é a única das dez marcas mais pesquisadas a exibir uma queda da taxa de busca, com um recuo de 14%.

Fora do ‘top’ 10, o estudo Luxury China 2014 da L2 mostra que as marcas, que assistiram este ano à maior alta da taxa de busca, são Oscar de la Renta (199 %), Michael Kors (166 %), Officine Panerai (+143 %), Sergio Rossi (+141 %) e Yves Saint Laurent (+128 %). Na ponta oposta, as “looser” (sic) do ano seriam Milus (-35 %), Calvin Klein (-14 %), Zenith (-11 %), Chaumet (-10 %) e Bao Bao Wan (-10 %).

O estudo destaca, como se ainda fosse necessário, o papel preponderante do universo ‘mobile’ no mercado chinês. No ano transcorrido, cerca de 43% das pesquisas voltadas às marcas de luxo foram realizadas através de terminais móveis. O total exibe aí ainda um aumento superior àquele verificado pela relojoaria/joalharia e a moda, cujas pesquisas em dispositivos móveis avançaram 60% e 110% respetivamente.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.