×
307
Fashion Jobs
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
7 de dez. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Éric Pfrunder: o fotógrafo de Karl Lagerfeld deixou-nos aos 74 anos

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
7 de dez. de 2022

Éric Pfrunder, o braço direito de Karl Lagerfeld para todos os seus projetos fotográficos, faleceu aos 74 anos. Esteve sempre presente nas produções fotográficas que Karl fez para a Chanel, para a Fendi e para a sua própria marca epónima, bem como nos seus projetos editoriais para as revistas mais importantes.


Eric Pfrunder - Virginie Mouzat Instagram


Membro chave do círculo interno de Karl Lagerfeld, Eric Pfrunder que nasceu da Argélia então francesa, tornou-se o primeiro diretor da imagem, depois de ingressar na Chanel em 1983. Após a morte do diretor artístico Lagerfeld, foi nomeado para a direção artística da marca de luxo francesa.
 
"É com profunda tristeza que a maison Chanel tomou conhecimento da morte de Éric Pfrunder, após uma doença prolongada", disse Bruno Pavlovsky, presidente da Chanel Fashion.

"De 1983 a 2019, durante quase 36 anos de criação de imagem na divisão de moda da Chanel, Éric Pfrunder foi uma parte essencial e ativa do trio criativo que formou com Karl Lagerfeld e Virginie Viard, estabelecendo a Chanel como a derradeira maison de moda de luxo", acrescentou Pavlovsky.
 
Em 1987, foi Pfrunder quem sugeriu pela primeira vez a Lagerfeld que começasse a filmar, quando o estilista alemão se queixou da sua insatisfação com um lookbook.
 
Depois disso, nenhuma sessão fotográfica com Lagerfeld ficou completa sem a presença de Pfrunder, sobretudo na 7L, livraria e estúdio fotográfico de Karl no número 7 da Rue de Lille, na Rive Gauche de Paris. Pfrunder também desempenhou um papel fundamental na ajuda a Lagerfeld a fazer a transição da fotografia analógica para a digital. E teve grande prazer em introduzir Lagerfeld em novas técnicas experimentais de impressão e papel fotográfico.
 
Nascido na cosmopolita Argélia dos anos 50, Pfrunder foi nomeado diretor artístico conjunto da maison após a morte de Lagerfeld em fevereiro de 2019, altura a partir da qual trabalhou ao lado da diretora criativa e designer da maison Virginie Viard. O mandato de Pfrunder passou por supervisionar a publicidade, marketing, filmes, eventos e digital.
  
Após a morte de Lagerfeld, Pfrunder foi também encarregado da curadoria do gigantesco arquivo de campanhas de Lagerfeld, retratos, sessões de fotografia para revistas e estudos de arquitetura em que Karl se distinguiu particularmente.
 
Mais recentemente, Pfrunder revelou à FashionNetwork.com que se tinha juntado à direção do Lukso, espaço de blockchain para a nova economia criativa.
 
"Um homem de convicção e lealdade, um trabalhador apaixonado, 'Vorarbeiter', como Karl Lagerfeld o chamava carinhosamente, Eric dedicou incansavelmente o seu olhar e visão excecionais à excelência da imagem da Chanel, partilhando generosamente os seus conhecimentos e insights com a equipa de imagem e, mais amplamente, com a divisão de moda," observou Pavlovsky, utilizando o termo alemão para capataz como o designou Karl.

"A sua contribuição para a Chanel é imensa. Apresentamos as nossas mais sinceras condolências à sua família e amigos", disse o diretor executivo da Chanel.
 
Alto, elegante e favorável à alfaiataria em negro, tal como Karl, Eric Pfrunder será recordado como um cavalheiro naturalmente gracioso. Karl Lagerfeld até concebeu uma camisa branca especial para Pfrunder, ao gosto do período eduardiano, com colarinho alto, feita na Hilditch & Key, a fabricante de camisas de Londres.
 
É assim que está a ser recordado, à medida que amigos e colegas começam a colocar lembranças no Instagram. "Bidding adieu à Pfrunder", uma lenda nos círculos da moda francesa.

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.