×

Kylie Bisutti: de angel Victoria's Secret à esposa "de Provérbios 31"

Publicado em
today 3 de dez de 2014
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Madri (Notimérica) – Toda manequim e 'top model' sonha ser, em algum momento da sua carreira, um anjo da Victoria's Secret. Esta afirmação poderia ser verdadeira se não fosse pela ex-modelo Kylie Bisutti, que deixou as famosas asas e roupas interiores para se converter numa esposa dedicada e cristã.

Kylie Bisutti antes da sua 'conversão'. Foto: DR


Foi em 2011 que o sonho da ex-manequim converteu-se num pesadelo. Depois de ter vencido 10.000 participantes em uma competição que escolhia o anjo da marca de roupas interiores femininas, Bisutti descobriu que ser um anjo poderia ser um pecado e preferiu viver para Deus e para o seu marido.

Assim contou a ex-modelo em um artigo para o 'New Yorker Post'. Faz uns anos que o ex-anjo renunciou ao seu posto anunciando através do Twitter que deixava de "ser uma modelo da Victoria's Secret" para se converter "em uma esposa dos Provérbios 31".

A mudança levou-a a viver junto do seu marido em Montana, Estados Unidos, desfrutando do ar "livre" e como voluntária na sua igreja.

Como parte da sua nova vida, Bisutti escreveu um livro publicado nos Estados Unidos com o título 'Não sou um anjo: de modelo de Victoria's Secret a modelo de conduta'. Além da publicação, a jovem cristã decidiu lançar a sua própria linha de roupas.

Lançamento literário de Kylie Bisutti. Imagem: Instagram Kylie Bisutti


A decisão da ex-modelo de deixar a carreira foi por sentir-se "como um pedaço de carne" ao ser parte da Victoria's Secret, de acordo com o 'New Yorker Post'.

Face às afirmações da ex-Angel, a grife estadunidense publicou uma declaração respondendo às suas acusações.

Segundo a Victoria's Secret, Bisutti disse "inumeráveis mentiras e distorções da verdade sobre a sua breve passagem" pela marca e explica que a ex-modelo só teria ganhado um concurso que a permitia participar somente do desfile de 2009, negando que se lhe tivesse oferecido um contrato.

Agora, a ex-Angel é uma mulher que concilia o lançamento da sua linha de roupas "cristã e decente" com os seus trabalhos de palestrante e o seu blogue pessoal, no qual escreve declarações que despertam o interesse da imprensa.

Copyright © 2019 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.