×
Por
Agência LUSA
Publicado em
1 de out. de 2013
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Luís Buchinho mostrou em Paris coleção inspirada no seu processo criativo

Por
Agência LUSA
Publicado em
1 de out. de 2013

Paris – O designer de moda português Luís Buchinho fez desfilar no último dia 30, em Paris, uma coleção que recriou o seu processo criativo, com uma paleta de cores que remeteu ao papel, à grafite, ao preto, à caneta azul e à tinta-da-china.

Para a primavera/verão de 2014, Luís Buchinho desenhou uma coleção que intitulou de "A Página em Branco". O criador de moda explicou à Lusa, na capital francesa, que "tem muito a ver com todo o processo criativo, toda a elaboração que existe numa coleção ao nível do desenho, da ilustração que começa por uma página em branco". "Esse processo foi capturado para esta coleção através de estampados que procuram recriar um pouco o desenho muito intuitivo que se faz à volta de uma silhueta, mas que vai criando alguns desenhos e reforçando algumas formas de uma maneira muito visível", acrescentou.

Desfile de Luís Buchinho – Paris/verão 2014. | Foto: Portugal Fashion


Luís Buchinho transformou o seu processo criativo numa coleção de vinte e oito coordenados com cores que aludem aos materiais que usa para desenhar. Na escolha dos materiais, optou tecidos naturais como o algodão e a seda. "Sedas mais estruturadas ou sedas mais fluidas que foram estampadas com esses desenhos, com esses motivos que tentam reproduzir um pouco o tal buscar de uma forma, o tal preencher de uma silhueta. E, de uma maneira geral, também cores alusivas a esse universo, que é um universo de cores muito neutras, muito claro, em que só praticamente a linha preta do lápis ou da caneta é que ocupa algum espaço visual", descreveu.

No que diz respeito às formas, “são todas bastante afastadas do corpo", afirmou. Além do registro de uma liberdade, fluidez e assimetria "resultante de um desenhar bastante orgânico e bastante espontâneo”, em contraposição com “algumas silhuetas um pouco mais estruturadas, mais perto do corpo", usou-se o ‘nude’ “para dar um efeito extremamente transparente à modelo que está a desfilar esse coordenado", explicou.

A par da semana da moda de pronto-a-vestir francesa, Luís Buchinho participou no ‘Tranoi’, salão profissional de designers de moda e acessórios, que terminou hoje em Paris. Buchinho afirmou que a feira "serviu de base comercial para o lançamento da coleção em termos de clientes multimarcas espalhados pelo mundo inteiro". "Conseguimos conciliá-la muito bem com este desfile e estamos a fazer um esforço bastante grande nesse sentido, de tornar a marca cada vez mais visível, tanto a nível de imagem, como a nível de venda do produto da marca", concluiu.

Na 28.ª passagem do Portugal Fashion pela capital francesa, Felipe Oliveira Baptista apresentou, na passada quarta-feira, a coleção "The Sheltering Sky SS14". Fátima Lopes apresenta "Odyssey" na terça-feira (1/10), o penúltimo dia da semana de 'prêt-à-porter' (pronto-a-vestir) de Paris, que começou no passado dia 24 de setembro.

Copyright © 2023 Agência LUSA. Todos os direitos reservados.