×
385
Fashion Jobs
ZIPPY
E-Commerce Business Technician (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Sales Associate Centro Comercial Norteshopping
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
IT Sap Specialist fi/co e HR
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Gbs Senior Buying Specialist (m/ f) - French Speaker
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
General Ledger Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
H&M
Senior Lawyer - Expansion Department
Efetivo - CLT · Barcelone
BOUTIQUE DOS RELÓGIOS
Assistente de Vendas
Efetivo - CLT · PORTO
BW GROUP
Fashion Designer
Efetivo - CLT · BRAGA
BWGROUP
Fashion Styling And Production
Efetivo - CLT · BRAGA
CLAUDIE PIERLOT
Vendedor(a) - 30h - CDD 3 Meses - Eci Porto H/F
Trainee · PORTO
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Sales Consultant / Vendedor(a) Tommy Hilfiger 40h - Lisboa - Temporário (1 Mês)
Trabalho temporário · LISBOA
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Store Manager Tommy Hilfiger 40h - Lisboa
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Vendedores de Loja Part-Time - Espaço Guimarães (m/f)
Efetivo - CLT · Guimarães
H&M
Fashion or Print Design Student Placement Summer 2020
Efetivo - CLT · Stockholm
MO
mo - Sales Assistant - Sesimbra
Efetivo - CLT · Sesimbra
MO
mo - Sales Assistant - Mafra
Efetivo - CLT · Mafra
MO
mo - Sales Assistant - Arrábida Shopping
Efetivo - CLT · Greeley
ZIPPY
Zippy - Sales Assistant - Spacio Olivais
Efetivo - CLT · Lisboa
MO
mo - Sales Assistant - Pinhal Novo
Efetivo - CLT · Pinhal Novo
ZIPPY
Zippy - Sales Assistant - Paços de Ferreira (Ferrara Plaza)
Efetivo - CLT · Paços de Ferreira
MO
mo - Sales Assistant - Alverca
Efetivo - CLT · Alverca do Ribatejo
MO
mo - Sales Assistant - Setúbal
Efetivo - CLT · Setúbal

Richemont anuncia crescimento sólido no terceiro trimestre

Por
Reuters
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 11 de jan de 2018
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

O grupo Richemont, proprietário da Cartier, anunciou na terça-feira (9) um sólido crescimento nas vendas do trimestre até 31 de dezembro, impulsionado pela região Ásia-Pacífico e por uma forte procura por joias.


Cartier


Os resultados são otimistas para a indústria de acessórios de luxo. Os produtores de relógios suíços melhoraram as suas vendas e lucro no último ano depois de um período de grande dificuldade, graças a um novo interesse em relógios de luxo despertado no mercado chinês, onde estão os seus clientes mais importantes.

"O crescimento de dois dígitos na Ásia-Pacífico foi impulsionado pela China, Coreia, Hong Kong e Macau", disse o segundo maior grupo de luxo do mundo, conhecido também por deter as marcas IWC e Piaget, em comunicado.

O crescimento das vendas em moeda constante caiu 7% em relação aos 12% dos seis meses anteriores até 30 de setembro, refletindo a retoma do crescimento no último trimestre de 2016.

A região da Ásia-Pacífico, que representa cerca de 40% das vendas do grupo, e as marcas de joias da Richemont, como a Cartier e a Van Cleef & Arpels, cresceram 11% em moeda constante. "Um aumento que foi impulsionado por joias, pela Ásia e o Médio Oriente", afirmou o analista da Kelper Cheuvreux, Jon Cox.

"O facto de a empresa estar a racionalizar a sua rede de distribuição de venda por atacado e a registar crescimento é impressionante. O mercado está provavelmente a subestimar o atual ambiente positivo para os artigos de luxo", acrescentou.

A desaceleração forçou a Richemont e os seus rivais, como o Swatch Group, a reduzir o excesso de stock, oferecer produtos mais baratos e ceder às vendas online e aos smartwatches.

A Richemont também mudou quase toda a sua equipa de gestão, incluindo a maioria dos seus diretores de marca. Em novembro, a empresa nomeou Jerome Lambert para liderar as marcas de relógios e moda do grupo.

© Thomson Reuters 2019 Todos os direitos reservados.