×
Por
EFE
Publicado em
28 de ago. de 2013
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Sara Sampaio, um pequeno “anjo” que engrandece Portugal nas passarelles

Por
EFE
Publicado em
28 de ago. de 2013

Lisboa – Sara Sampaio é uma modelo considerada baixa para os cânones da moda, mas que se converteu na maior manequim nascida em Portugal a chegar às capas das revistas de moda de todo o mundo.

Em sua terra natal, a cidade do Porto, em 1991, Sampaio é uma figura reconhecida e reconhecível, onde as revistas nacionais a dedicam manchetes, como “a oitava maravilha do mundo”, “gente com a qual seria muito bom jantar” e, principalmente, frases nas quais se repete a palavra “anjo”.

Com este celestial papel, ela se tornou reconhecível por meio de um anúncio da marca de desodorantes masculinos Axe e, posteriormente, como uma das esculturais modelos da Victoria’s Secret, conhecidas por carregar este sobrenome.

Sara Sampaio para Victoria's Secret | Foto: Facebook/Sara Sampaio


“A beleza de Sara é quase um ‘clichê’, no bom sentido, segundo disse à agência EFE o director criativo da Vogue Portugal, Paulo Macedo, para cuja revista ela protagonizou três capas.

Sua imagem, reitera Macedo, é aquela que vem à cabeça quando se pensa num ideal de beleza: “curvas definidas, olhos claros, boca carnuda...”, enumera.

Ainda que seus olhos verdes e seus generosos lábios sejam os elementos que mais se destacam, o atributo que lhe permitiu chegar ao mundo das manequins foi seus cabelos, graças aos quais ela ganhou o concurso de uma marca de champô as 16 anos, firmando, em seguida, um contrato com uma agência de modelos.

Contudo, Sara continuou seus estudos e deixou a cidade natal do Porto não para subir às passarelles, mas para estudar matemática aplicada em Lisboa. Mas uma viajem a Londres e uma carreira na moda com cada vez mais projetos em vista a fizeram abandonar os números no segundo trimestre do primeiro ano dos estudos universitários.

De Londres a Paris – onde viveu um ano – e da capital francesa para Nova York, cidade em que atualmente reside e na qual, em cada casting, enfrenta companheiras que a superam pela altura, pois que a única “imperfeição” visível em Sampaio – ao menos para o mundo da moda – é sua altura: “escassos” 172 centímetros.

“Não posso comparar Sara com ninguém. Fisicamente ela pode ser semelhante a outras companheiras, mas em sua alegria, sua força, sua vontade... é uma moça como qualquer outra”, explica Macedo sobre a manequim, que tem dividido campanhas com a brasileira Adriana Lima e a russa Irina Shayk.

Esta normalidade pode ser apreciada em suas redes sociais, nas quais brinca todos os dias com seu cão Luigi, posta fotos de suas matérias preferidas como “Como conheci nossa mãe” e envia desmentidos bem humoradas para alguns meios de comunicação que lhe atribuem romances.

Ela também os utiliza para se relacionar ativamente com seus seguidores, tanto que um admirador de 16 anos ganhou um encontro com ela depois de desafiá-la: conseguir que 10.000 pessoas “retuitassem” a mensagem do jovem.

Seu rosto, além de ser conhecido pelas campanhas para a Blumarine, Replay e Armani Exchange, alcançou sua maior difusão como única protagonista dos anúncios de roupa de banho da Calzedonia e se destacou no maior desfile que a marca organizou até o momento, em Rimini (Itália).

Nesta noite, Sampaio voltou a retirar os pés do chão, embora desta vez tenha trocado as asas por um aro sobre o qual se balançava para tocar o céu ou chegar a qualquer lugar aonde queira se dirigir.

“Sem medo”, já que ela sabe muito bem o que quer, e pode chegar a tocar o céu, afirma Macedo.

© EFE 2022. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos dos serviços Efe, sem prévio e expresso consentimento da Agência EFE S.A.